segunda-feira, 9 de janeiro de 2012

SIGA SEU CORAÇÃO, ELE É MAIS INTELIGENTE DO QUE VOCÊ PENSA

O coração é também o primeiro órgão formado no útero. O resto vem depois. Recentemente, neurofisiologistas ficaram surpresos ao descobrirem que o coração é mais um órgão de inteligência, do que (meramente) a estação principal de bombeamento do corpo. Mais da metade do Coração é na verdade composto de neurônios da mesma natureza daqueles que compõem o sistema cerebral. Joseph Chilton Pearce-, autor de A biologia da Transcendência, chama a isto de ”o maior aparato biológico e a sede da nossa maior inteligência.” O coração também é a fonte do corpo de maior força no campo eletromagnético. Cada célula do coração é única e na qual não apenas pulsa em sintonia com todas as outras células do coração, mas também produz um sinal eletromagnético que se irradia para além da célula. Um EEG que mede as ondas cerebrais mostra que os sinais eletromagnéticos do coração são muito mais fortes do que as ondas cerebrais, de que uma leitura do espectro de freqüência do coração podem ser tomadas a partir de três metros de distância do corpo … sem colocar eletrodos sobre ele! A freqüência eletromagnética do Coração produz arcos para fora do coração e volta na forma de um campo saliente e arredondado, como anéis de energia. O eixo desse anel do coração se estende desde o assoalho pélvico para o topo do crânio, e todo o campo é holográfico, o que significa que as informações sobre ele podem ser lidas a partir de cada ponto deste campo. O anel eletromagnético do Coração não é a única fonte que emite este tipo de vibração. Cada átomo emite energia nesta mesma frequencia. A Terra está também no centro de um anel, assim é o sistema solar e até mesmo nossa galáxia … e todos são holográficas. Os cientistas acreditam que há uma boa possibilidade de que haja apenas um anél universal abrangendo um número infinito e interagindo dentro do mesmo espectro. Como os campos eletromagnéticos são anéis holográficos, é mais do que provável que a soma total do nosso Universo esteja presente dentro do espectro de freqüência de um único anél. Isto significa que cada um de nós está ligado a todo o Universo e como tal, podemos acessar todas as informações dentro dele a qualquer momento. Quando ficamos quietos para acessar o que temos em nossos corações, nós estamos literalmente conectados à fonte ilimitada de Sabedoria do Universo, de uma forma que percebemos como “milagres” entrando em nossas vidas. Quando desconectamos e nos desligamos da sabedoria inata de amor do Coração, baseado nos pensamentos, o intelecto refletido no ego assume o controle e opera independentemente do Coração, e nós voltamos para uma mentalidade de sobrevivência baseada no medo, ganância, poder e controle. Desta forma, passamos a acreditar que estamos separados, a nossa percepção de vida muda para uma limitação e escassez, e temos que lutar para sobreviver. Este órgão incrível, que muitas vezes ignoramos, negligenciamos e construimos muros ao redor, é onde podemos encontrar a nossa força, nossa fé, nossa coragem e nossa compaixão, permitindo que a nossa maior inteligência emocional guie nossas vidas. Devemos agora mudar as engrenagens para fora do estado baseado no medo mental que temos sido ensinados a acreditar, e nos movermos para viver centrados no coração. Para que esta transformação ocorra, é preciso aprender a meditar, “entrar em seu coração” e acessar a sabedoria interior do Universo. É a única maneira, é O Caminho. A medida que cada um de nós começa esta revolução tranquila de viver do Coração, vamos começar a ver os reflexos em nossas vidas e em nosso mundo. Esta é a forma como cada um de nós vai criar uma mudança no mundo, criar paz, criar harmonia e equilíbrio, e desta forma, vamos todos criar o Paradigma do Novo Mundo do Céu na Terra. Rebecca Cherry

sábado, 7 de janeiro de 2012

Curso Cura Reconectiva e Reconexão no Brasil

Em setembro de 2012 teremos a honra de receber no Brasil o Dr. Eric Pearl o criador da Cura Reconectiva e da Reconexão. Ele e sua maravilhosa equipe de instrutores vão ministar os Seminários a respeito das frequências utilizadas em seu trabalho, passando para os brasileiros o conhecimento de forma simples e acessível. Para fazer o nível I e II não existe nenhum pré- requisito. Para fazer o nível III o participante tem que fazer préviamente a Reconexão com um profissional capacitado pelo The Reconnection pois o mesmo tem que cadastrar a Reconexão deste cliente junto a instituição. Para verificar se este profissional está capacitado entre no diretório dos praticantes http://www.thereconnection.com/practitioner-directory?strAction=advance&page=0&total=0&ciudadFlash=&paisFlash=&stateFlash=&pagina=&total=0&continente=&word=&city=&zip=&idCountry[]=31&idProvince[]=&idCity[]= ou envie um email com o nome para info@thereconnection.com e peça a informação.

sexta-feira, 6 de janeiro de 2012

Viagem ao Seminário de Cura Reconectiva em Buenos Aires

Enfim chegou o dia de embarcarmos para a Argentina. Eu, Rogélio Peres e Maria Lucia Peres um ano antes iríamos fazer esse curso como estudantes e agora vamos como voluntários para ajudar no próprio curso. Com um ano de prática muita coisa mudou, foram mais de 200 atendimentos, muitas pessoas curadas dos mais variados problemas, e agora estou feliz com essa viagem e impressionado com as mudanças. Não sabia que esses 12 dias fora do Brasil iriam proporcionar mais mudanças, muito mais. Teríamos como companheiros de viagem pessoas amigas de Cabo Frio, de Belo Horizonte, do Rio de Janeiro, de Rezende RJ e de Caxias do Sul RS, que já haviam antes feito contato conosco. Esse era o nosso grupo de viagem. Quem tem acesso às freqüências da Cura Reconectiva e da Reconexão, nunca mais se esquece, e eles queriam levar esse trabalho a frente aqui no Brasil. Eu achava que esses seriam os poucos brasileiros a encontrar no curso, como estava enganado. Ao chegar lá fiquei um pouco preocupado com a dificuldade que teria com a comunicação, pois como faria para me comunicar sem falar espanhol e inglês? A única forma para resolver isso foi estudar um pouco antes e confiar no poder do Universo. Já no primeiro contato quando estávamos tendo a reunião para direcionar quem faria o que, fiquei encarregado da recepção na porta, a principio achei que não seria nada de mais já que o que teria que fazer seria sorrir e verificar as credenciais, só não contava que as pessoas pudessem falar comigo e pior ainda que eu tivesse que responder, meu medo era que descobrissem que eu não falava a língua deles e que era brasileiro. Já pensou um brasileiro e com o time de futebol que desclassificou o Boca Junior na copa Libertadores, pensava que iria ser linchado (hahahah). Mas para minha surpresa foi um período muito divertido, pois a única forma de contornar isso era sorrindo, quando sorria essas pessoas entendiam que eu estava ali para ajudar e as coisas aconteciam. Como os argentinos gostam de beijos, na porta do seminário levava beijos e abraços de todos, mas como o meu objetivo não era esse, entre os intervalos eu estava atento a tudo e tive vários ensinamentos. Um dos primeiros ensinamentos, que já tinha tido acesso, mas não tinha me dado contada importância dele, é o fato de que as freqüências da Cura Reconectiva nunca terem existido aqui no planeta, às vezes as pessoas falavam: “Durante muito tempo varias pessoas curavam com as mãos”, sim durante muito tempo várias pessoas curavam com as mãos, só que com outras energias, a freqüência que temos contato com a Cura Reconectiva é uma freqüência nova, diferente das energias captadas com outros tipos de terapias que também trabalham com cura. Com o eixo do planeta mudando, essa freqüência que vem do Universo, começou a chegar a nosso planeta agora, junto delas a modificação de várias outras doenças já existentes. Com essas freqüências, se torna mais simples o tratamento dos nossos desvios de saúde. As doenças estão ficando mais resistentes e a cura delas mais difícil, com o que vi e aprendi foi que outras técnicas continuam eficazes, porém as freqüências da Cura Reconectiva têm um retorno melhor nos tratamentos das doenças atuais. O outro ensinamento foi sobre a diferença entre Cura Reconectiva e Reconexão. A primeira tem como função a cura de doenças emocionais, físicas, espirituais e mentais e é muito interessante ver a eficácia desse tratamento, que pode ser feito presencial ou a distancia, mesmo que o paciente esteja em outro lugar (eu já tratei de pacientes em Nova Yorque, estando em Cabo Frio/RJ), o resultado é maravilhoso. Em novembro de 2011 fizemos um evento no Facebook para divulgar a Cura Reconectiva a distancia e foram relatadas coisas impressionantes. Já no caso da Reconexão que é o outro tratamento, ela tem como objetivo principal a evolução, esse tratamento é feito uma única vez na vida em duas sessões, ela proporciona a religação de nossas linhas energéticas com as linhas energéticas do planeta e do Universo. Quando recebemos a Reconexão acontece um realinhamento do nosso querer e temos a sensação de estarmos indo de encontro a nossa real missão de vida e ela vindo a nós. Um comentário comum sobre a Reconexão é o preço, pois não se pode receber a mesma sem fazer um pagamento, a explicação é que em se tratando de uma coisa ligada à evolução, não temos como evoluir sem dar uma parte da nossa energia e o pagamento é ou foi energia nossa, e a nossa função prioritária estando nessa vida é evoluir. Participei também das aulas da Yoga Reconectiva, eu que já tive muito contato com Yoga, fico feliz quando tenho acesso a esse tipo de yoga (já tinha tido acesso na Colômbia), sentimos totalmente a energia e a elasticidade é impressionante, nosso corpo fica totalmente impregnado de energia, e sempre começávamos os dias com a Yoga Reconectiva. No ultimo dia (para mim) em Buenos Aires tive uma avaliação pela Mentoria do The Reconnection, e fui aprovado, além da formação, meu trabalho foi avaliado e dito como de qualidade pelos Mentores autorizados. Outra coisa importante que foi passada lá é que a “Cura Reconectiva é ciência” e tive acesso a vários estudos feitos por cientistas e em universidades Americanas que comprovam isso. No nosso site www.reconexao.com.br vocês podem ter acesso a alguns artigos dessas pesquisas. A missão estava acabada na Argentina, os Brasileiros que fizeram o seminário, cerca de 50, estavam gratificados pelo que tinham visto e sentido, e os meus amigos próximos, os que foram comigo, estavam muito felizes pelo que tinham sentido e passando e se sentido aptos a levar essa cura a frente, uma cura não do corpo mas do Ser, a Cura com as freqüências reconectivas.